Um projeto que reconta a história das Comunidades da Paróquia

A festa da padroeira da Paróquia de Nossa Senhora das Dores, na cidade de São José dos Cordeiros, reserva um capítulo aparte em sua edição. Jovens da Pastoral da Comunicação criaram um projeto curioso, que reconta a história das sete comunidades que compõe a paróquia. Mas essas histórias não são contadas ao léu, elas ganharam ares da criatividade e deram espaço à arte.

O projeto, “As Comunidades contam sua História”, envolve pesquisa, documentação, registros fotográficos e, sobretudo, paixão pelo resgate dos fatos que levaram as construções das capelas. Cerca de um ano e meio, foi o tempo gasto pelos jovens da pascom para elaborarem todo o material; eles entrevistaram os animadores, averiguaram as histórias e atestaram os fatos para saberem se foram verídicos ou não.

Cerca de um ano e meio ficamos em pesquisa nas comunidades…Nós temos uma pequena exposição das maquetes de cada capela e estamos com a história deles contada… Em breve iremos contar história da Matriz e da capela de São José que está em construção, mas vamos ver se fica para o próximo ano, pois não é um trabalho de dias, leva meses, pois a gente precisa entrevistar as pessoas.” Andressa Mykaely, Coordenadora da Pascom.

Um trabalho investigativo, digno de um reconhecimento jornalístico, e sabe onde isso foi parar? Em maquetes! De fato, os jovens transformaram toda essa ideia em pequenas maquetes das comunidades. Como a paróquia tem sete comunidades, os jovens reproduziram essas 7 comunidades em maquetes e as colocaram em exposição durante esta festa de padroeiro.

O que também chama atenção, é que durante a festa da padroeira, a cada noite, uma comunidade diferente da paróquia celebra na matriz, e muita gente aproveita para conhecer a exposição. De prontidão, os jovens da pascom apresentam a história de cada comunidade, relatando os fatos que levaram a formação das igrejas.

O Padre Joselito Ferreira, pároco da paróquia de Nossa Senhora das Dores, contou que nesses quase 5 anos de vida paroquial, a comunidade católica avançou, sobretudo, na zona rural e ele ver no projeto, As Comunidades contam sua História, um trabalho louvável desenvolvido pela pascom.

Os jovens da pascom, foram bem mais adiante, fazendo essa história chegar ao nosso povo, de forma simplificada e fácil de compreender, e apresentando para comunidade cada igreja que foi construída; Estamos hoje, apresentando para nossa paróquia e nossa diocese, um pouco de nossa história. Conta a partir do surgimento das comunidades, e também apresenta a maquete para que o povo possa ver a beleza de nossas capelas, agradecemos de coração a todos que estão se esforçando e colaborando com  a história de nossa paróquia.” Acentuou o Padre Joselito.

Sobre as maquetes, elas estão expostas em uma tenda que pascom armou na praça da matriz, são feitas de isopor, levam areia, palitos, foram pintadas com tinta guache, entre outros materiais, algo para ninguém botar defeito. O trabalho feito pela Pastoral da Comunicação, oportuniza conhecimento, oferece integração consequentemente desperta um sentimento de identidade paroquial.

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.



You have Successfully Subscribed!

Share This