Semana Mundial dos Pobres: Encontro reúne Setor Juventude, Pastorais Sociais e Instituições de Caridade

Como parte da programação da Semana Mundial dos Pobres, o quarto evento desta semana votiva foi marcado por um momento reflexivo realizado na noite desta quinta-feira (14) no São Vicente de Paulo. A ocasião objetivou reunir expressões juvenis, grupos das Pastorais Sociais, e representantes das Instituições de Caridade que tiveram a oportunidade de acompanhar a exposição feita por Dom Antônio Carlos, Bispo de Caicó/RN.

Participaram também Padres da Diocese, Diáconos, religiosos e o Bispo de Campina Grande, Dom Dulcênio Fontes de Matos, que em sua fala inicial deu as boas vindas ao seu irmão no Episcopado, Dom Antônio Carlos e falou sobre os trabalhos que a juventude da Diocese tem desenvolvido, e de tal forma falou de seu desejo enquanto pastor desta igreja.

“Esta Jornada Mundial dos Pobres, especialmente em nossa Diocese, deve ser motivadora para uma vivência de atitudes cada vez mais eloquentes e testemunhos autênticos do Evangelho de nosso Senhor. Desejo que tenhamos sempre uma juventude que leva a Cruz vencedora de Jesus a todos, que anuncia a fé, vive a esperança e partilha a caridade.” Expressou o Bispo de Campina.

O Padre Rodolfo Lucena, responsável pelo Setor Juventude da Diocese, chamou atenção para o Vicariato da Caridade, Justiça e Paz, enaltecendo o trabalho do Padre Sérgio, ao tempo em que lhe agradecia por inserir o Setor Juventude nessa participação da Semana Mundial dos Pobres. Falou ainda de um panorama da juventude na cidade de Campina Grande, uma cidade plural que revela inúmeras realidades de jovens. E por fim interpelou: “Diante dessa realidade, o que faria Jesus?”.

O Encontro desta noite teve como grande propósito, reunir os jovens e as pastorais sociais em torno do Bispo de Caicó/RN, Dom Antônio Carlos, referencial para a Juventude no Regional NE II da CNBB, a fim de que a partir dos ensinamentos, reflexões e motivações de Dom Antônio, a juventude fosse motivada a sair em missão, ir aos desamparados, aos sofredores, aos que se encontram à margem da sociedade.

E nesse sentido, Dom Antônio expressou sua alegria em poder participar do evento e aproveitou seu conteúdo expositivo para explicar a partir dos ensinamentos do Papa Francisco, como a Igreja deve se ater a questão da pobreza.

“Partimos da carta do Papa Francisco para entendermos qual é o espírito que ele se propunha a dar ao Dia Mundial dos Pobres, e fazendo uma ponte com os documentos da Juventude, percebemos como Francisco é sensível, ele aponta uma realidade em que o jovem se depara com a pobreza. É preciso enxergar também outras formas de pobreza, por exemplo as pessoas que se perdem nas redes sociais, é preciso perceber essas realidades.” Salientava Dom Antônio.

Ao final de sua fala, Dom Antônio desejou que o momento da Jornada dos Pobres, vivenciada pela Diocese seja um perene caminho de caridade: “E espero que com essa semana a Diocese continue se empenhando com passos firmes na caridade, que o pobre seja sempre um compromisso nosso e da juventude.” Destacou o Bispo de Caicó.

O próximo encontro ocorrerá no dia 16 no Santuário da Divina Misericórdia que fica situado no bairro dos Cuités. A eventualidade diz respeito ao Jubileu dos 35 anos da Pastoral da Criança e os 15 anos da Pastoral da Pessoa Idosa. O evento começa a partir das 8h da manhã.

Último ato

17/11 – Celebração do Dia Mundial dos Pobres
Às 11h Santa Missa na Fazenda do Sol
Neste dia acontecerá Ação social em diversas paróquias na Diocese

Por: Ascom
Fotos: Carla Miranda

 

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.



You have Successfully Subscribed!

Share This