Óbolo de São Pedro: coleta acontece no final de semana, 4 de outubro

Chama-se óbolo de São Pedro a ajuda econômica que os fiéis oferecem ao Santo Padre, como sinal de adesão à solicitude do Sucessor de Pedro relativamente às múltiplas carências da Igreja universal e às obras de caridade em favor dos mais necessitados. A pandemia faz adiar a tradicional coleta prevista para 29 de junho, coincidindo com a festa do Santo de Assis, próximo dia 4 de outubro.

Numa declaração, o diretor da Sala de Imprensa Vaticana, Matteo Bruni, afirmou o seguinte: “Devido à atual emergência sanitária, o Santo Padre estabeleceu que, para este ano de 2020, a coleta do Óbolo de São Pedro, que tradicionalmente se realiza em torno à Solenidade dos Santos Pedro e Paulo, em 29 de Junho, será transferida em todo o mundo para o XXVII domingo do tempo comum, 4 de outubro, dia dedicado a São Francisco de Assis”.

A oferta é um gesto de fraternidade com o qual todos os fiéis podem participar na ação do Papa como Pastor da Igreja universal e em apoio às comunidades mais necessitadas e eclesiais em dificuldade, que recorrem à Sé Apostólica.

É um gesto antigo, iniciado com a primeira comunidade dos apóstolos, e que continua a repetir-se porque a caridade é a marca dos discípulos de Jesus: «Com isso todos saberão que sois meus discípulos, se tiverdes amor uns pelos outros» ( Jn  13, 35) “.

Com este dom podemos alargar o nosso olhar e o nosso coração à Igreja, difundida pelo mundo, que se torna companheira de viagem das famílias e dos povos a caminho do desenvolvimento humano, espiritual e material, em benefício de todas as sociedades.

O óbolo de São Pedro, no mesmo sentido das palavras, representa uma pequena oferta, mas com um grande fôlego e olhar. Isso é o que cada crente sente que pode dar ao Papa para que ele possa atender às necessidades de toda a Igreja e onde ela está mais em dificuldade.

Tradicionalmente, a coleta ocorre em todo o mundo católico, aqui na Diocese de Campina Grande, o Setor de Campanhas, orienta, na pessoa do seu Bispo Diocesano, Dom Dulcênio Fontes de Matos e do Padre Saulo Rodrigues, que este final de semana as coletas distribuídas nas igrejas de todas as paróquias serão ao Santo Padre. 

 

Fonte: Vatican News
Com edição: Pascom Diocesana

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.



You have Successfully Subscribed!

Share This