Dom Dulcênio inicia Visita Pastoral Cânonica na Paróquia de Jesus Libertador, nas Malvinas

Atualizado em 05/06/24 às 00:085 minutos de leitura120 views


Dom Dulcênio Fontes de Matos iniciou a sua segunda Visita Pastoral Canônica neste ano de 2024, desta vez na Paróquia de Jesus Libertador, localizada no bairro das Malvinas, em Campina Grande. A visita começou nesta terça-feira, 04 de junho, e o Bispo foi recebido pelo pároco, Padre Shérmishon Phérikllys, pelo diácono Walter Luna e pela comunidade de fiéis, que expressaram seu carinho pela presença do líder religioso.

A visita teve início com a celebração da Santa Missa, onde Dom Dulcênio enfatizou a importância desse momento de graça, comparando a visita pastoral ao gesto de Jesus ao encontrar-se com o povo. 

Em sua homilia, Dom Dulcênio fez uma breve explanação do que se trata a visita pastoral canônica, enfatizando que está na paróquia para viver a realidade dela junto com os paroquianos, “estou aqui para me fazer um, com vocês [...] eu venho para estar com vocês, ver as coisas como elas são, dentro da naturalidade”, afirmou o bispo.

Sobre a liturgia do dia, na qual os Herodianos e Fariseus, dois grupos rivais que se uniram para testar Jesus questionando-o sobre o pagamento de impostos a César, o bispo diocesano compara a passagem bíblica com situações da vida, em que forças do mal se unem para destruir o bem e afirma que “a união autêntica é a união que tem Jesus no centro de tudo, esta é a verdadeira.”

O bispo ainda enalteceu a união da comunidade paroquial, no que diz respeito aos projetos idealizados, “olhando para vocês, olhando os feitos desta comunidade, olhando as pastorais vivas, tudo que aqui existe, a força que vocês têm para construir todos esses projetos, a gente vê que essas forças do mal, se existem, não dá nem pra perceber, porque o que aparece é a união, eu diria muito mais do que união, mas uma comunhão, estão todos unidos em nome de Deus.”

Significado da Visita Pastoral Canônica

A Visita Pastoral Canônica é um dever do bispo determinado pelo Código de Direito Canônico, seguindo uma tradição da Igreja que remonta aos tempos apostólicos. Nesses tempos, os apóstolos visitavam as comunidades para fortalecer a fé dos irmãos.

O objetivo principal dessa visita é permitir que o bispo tenha um contato mais próximo com os padres e os fiéis, conhecendo de perto a realidade pastoral de cada paróquia. Além disso, a visita inclui o conhecimento de lugares e instituições eclesiais, bem como o reconhecimento dos trabalhos e atividades desenvolvidas pela comunidade local.

Programação para a Quarta-feira, 05/06

- 9h: Visita aos enfermos
- 15h: Encontro com a Comunidade Nossa Senhora das Dores
- 19h: Santa Missa na Capela Nossa Senhora das Dores

A programação completa da visita Pastoral pode ser baixada conferida no link abaixo:

https://cdn.diocesecg.org/2024/06/file_665fd6acbfa00.pdf


Por: Ascom
Fotos: Pascom Diocesana

Imagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notícia

Comentários (0)