Cardeal Dom Sergio da Rocha chega à Diocese para celebrar o Jubileu dos 75 anos

Atualizado em 18/05/24 às 01:228 minutos de leitura252 views


A Diocese de Campina Grande celebrou um momento histórico com a chegada do Cardeal Dom Sergio da Rocha, Arcebispo de São Salvador-BA e Primaz do Brasil, na tarde de sexta-feira, 17 de maio. Recebido calorosamente no Aeroporto de Campina Grande por uma comitiva de padres, autoridades civis e alguns leigos, o Cardeal foi acolhido na Catedral de Nossa Senhora da Conceição, às 16h, por Dom Dulcênio, Bispo de Campina Grande.

Presentes também, Dom Genival Saraiva (Bispo Emérito de Palmares-PE), outros membros do clero, seminaristas, religiosos e fiéis. Ao acolher o Cardeal, Dom Dulcênio destacou a importância histórica e espiritual da visita, agradecendo ao Cardeal por sua presença e humildade.

“Hoje, a historicidade se entrelaça com a religiosidade. E não menos importante: com a eclesialidade que o traz, seja como representante da Igreja (com o múnus de Cardeal), seja também, como homem fiel e religioso, a estas terras longínquas da Vila Nova da Rainha; a Rainha da Borborema, desta Paraíba: a Campina Grande!”, disse o Bispo de Campina Grande.

“Seja muito bem-vindo, Dom Sergio, à terra da Compadecida! À terra da Mãe do São Salvador. Aqui, pode não ser a “sua Bahia”, que geograficamente é grande, no entanto, não se acanha em ser “a Campina Grande; dos Grandes; e do Maior São João do Mundo!” A Rainha da Borborema, guiada pela Imperatriz da Igreja!”, acolheu.

Dom Sergio atendeu à imprensa e logo em seguida rezou as Vésperas Solenes na Catedral, onde expressou sua alegria em celebrar o Jubileu da Diocese, reforçando a importância da sinodalidade entre os pastores. Ainda na Catedral ao final da celebração, foi realizada o descerramento da Placa Comemorativa dos 75 anos realizada por Dom Dulcênio e Dom Sergio.

Conferência no Seminário.

À noite, no Seminário, O Primaz proferiu uma conferência sobre a "Lumen Gentium", um documento fundamental do Concílio Vaticano II que trata da natureza e missão da Igreja Católica. O evento contou com a presença de muitos fiéis e autoridades civis.

Durante a conferência, Dom Dulcênio enfatizou que o propósito da "Lumen Gentium" é proclamar a Igreja como luz para os povos. Dom Sergio destacou a relevância contemporânea do documento, que redefine a compreensão da Igreja como comunhão, promove a participação dos leigos e reforça a colegialidade episcopal.

O Purpurado disse ser um movimento bonito este que a Diocese vivencia neste período jubilar ao revisitar os textos do Concílio Vaticano II; falou de maneira mais ampla todo contexto da Lumen Gentium.

Segundo o Cardeal, o documento redefine a compreensão da Igreja, destacando sua natureza como comunhão e seu papel como servidora da humanidade. Promove uma visão mais inclusiva e participativa, especialmente em relação aos leigos e reafirma a importância da colegialidade episcopal e do papel do Papa, equilibrando a autoridade central com a colaboração dos bispos.

Lançamento do Livro

O Padre João Jorge, diretor do Centro Acadêmicos de Estudos, do Seminário, lançou uma trilogia de artigos do quarto Bispo de Campina Grande, Dom Luís Gonzaga Fernandes, recuperados de arquivos jornalísticos, os quais trazem ricos conteúdos acerca da realidade contemporânea.

Moção de Aplausos

A Câmara Municipal de Campina Grande, nas pessoas do Senhor Presidente Marinaldo Cardoso e da Senhora Vice-Presidente Fabiana Gomes, comunicou a aprovação de uma Moção de Aplausos a Dom Dulcênio, Segundo a Vice-Presidente ao justificar a Moção reconheceu o vigor pastoral e amor pela missão de Dom Dulcênio, apontando-o como um grande líder e pastor.

Grande Celebração

Neste sábado, dia 18, às 14h, a Diocese de Campina Grande encerrará o seu Jubileu dos 75 anos com uma Grande Celebração, promovida pela Comunidade de São Pio X em parceria com a diocese. O evento é gratuito, e vai acontecer em frente ao instituto são Vicente de Paulo, às margens do açude velho.

Na programação, haverá a presença de artistas que farão momentos de louvor e pregação, e a Santa Missa de encerramento com a Sua Eminencia o cardeal Dom Sergio da Rocha.

A grande celebração contará com a presença de bispos e padres vindos de outros estados, com o clero desta diocese, seminaristas, diáconos, o povo de Deus de todas as paroquias da Diocese.

Por: Ascom | Com apoio na Matéria, Dvanilson Marinho
Fotos: Equipe Diocesana de Comunicação (Joaquim Urtiga, Pedro Paulo e Aline Tenório) e Padre Haroldo

Imagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notícia

Comentários (0)