Fé e devoção marcam a Festa de Nossa Senhora do Carmo em Puxinanã

Atualizado em 25/06/19 às 10:281 minuto de leitura
A Paróquia de Puxinanã vivenciou, entre os dias 07 e 16 de julho, a Festa de Nossa Senhora do Carmo, Padroeira do município. Com o tema “Flor do Carmelo: mãe e modelo da Igreja que caminha”, a edição deste ano destacou a vivência cristã a partir do exemplo de Maria, que foi fiel discípula e portadora da vontade de Deus. Pe. Haroldo, pároco local, lembrou da necessidade de sempre retornar ao exemplo de Maria, para nortear-se nas estradas da vida. “Maria como mãe nos acalenta e como modelo nos ensina a bem servir; é verdade que todos nós precisamos da ajuda de Nossa Senhora porque ela, mais que qualquer outra pessoa, soube em tudo fazer a vontade de Deus, e assim, chegar ao céu”. O padre também lembrou que o tema e as reflexões dos padres estiveram ligados ao Ano do Laicato, celebrado na Igreja do Brasil. “Em todas as noites, muito bem participadas pelo povo de Deus, tivemos a participação de um sacerdote, incluindo três religiosos, e eles sempre lembraram ao nosso povo que os leigos sempre olhem para Maria como essa porta que conduz à salvação e como caminho a ser seguido”. No fim de tarde desta terça-feira, 16 de julho, dia consagrado à Nossa Senhora do Carmo, Dom Dulcênio presidiu a Missa de encerramento. Durante a homilia, o Bispo Diocesano lembrou que todos devemos buscar Maria como exemplo fiel de seguidora de Cristo. Após a Celebração Eucarística, os fieis seguiram em procissão pelas principais ruas da cidade. Por Humberto Carneiro Fotos: Pe. Haroldo Andrade  

Comentários (0)