Em São José dos Cordeiros-PB, Paróquia está celebrando as Festividades da Padroeira

Atualizado em 12/09/23 às 00:004 minutos de leitura440 views


A Paróquia de Nossa Senhora das Dores, sediada em São José dos Cordeiros-PB, Forania Cariri II, iniciou desde o dia 09 de setembro as festividades em honra à Padroeira; e em mais uma noite de novenário, nesta terça (12), a comunidade paroquial registrou um bonito momento com a Investidura de 18 novos Ministros Extraordinários da Sagrada Comunhão, realizada pelo Bispo Diocesano de Campina Grande, Dom Dulcênio Fontes de Matos.

O Bispo foi acolhido por toda a comunidade paroquial e pelo Pároco, Padre Manoel Cristino, bem como Diácono Tributino que prestou Assistência Litúrgica à celebração. Neste dia em que a Igreja celebrou a Memória do Santíssimo Nome de Maria, o Bispo disse ser uma feliz oportunidade reencontrar os seus diocesanos para celebrar à Padroeira.

Na homilia, Dom Dulcênio começou agradecendo pelo Sim dos novos Ministros Extraordinários, destacando que o Sim dado à Igreja de Jesus Cristo, é um Sim ao Serviço que Deus confiou a cada uma das 18 pessoas ali escolhidas. Ao refletir o Evangelho de Lucas 6,12-19, que relata o chamado feito por Jesus aos 12 homens para segui-lo de perto, o bispo pontuou que antes desse chamado, Jesus passou a noite em oração.

“Jesus antes dos feitos, antes dos acontecimentos, tinha o seu colóquio com Deus; ele sempre se colocava em oração, para dizer meus irmãos e minhas irmãs, que a oração primordial, é o verdadeiro satélite que nos liga a Deus. Neste Evangelho proclamado, vimos o chamado de Jesus aos Apóstolos, e hoje quis Nosso Senhor, pela providência divina, que a Igreja desse de presente aos Ministros Extraordinários e a todos nós, esse chamado, um chamado que implica em um sim; um sim que implica em serviço”, disse.

E continuou dizendo aos Ministros: “Amem a Igreja, respondam a cada dia com o Sim de vocês. O Bispo se alegra com o sim de vocês. Não se tornem “funcionários” deste ministério, façam por amor! Façam por piedade! Façam por devoção! Ao levar Jesus aos doentes, lembrem-se que os doentes que vocês vão encontrar é o próprio Jesus”, afirmou.

Ao relacionar o sim dado pelos 18 Ministros Extraordinários da Comunhão, o Bispo lembrou do maior “sim” do Novo Testamento, o de Maria que transformou a história da humanidade que antes vivia às trevas, mas agora com o seu Sim vive à luz; antes vivia escrava, e com o Sim de Maria, vive liberta, pois Maria foi uma colaboradora da salvação, por gerar a salvação no seu ventre, Jesus.

“O Sim de Maria foi mais perfeito de toda a história do Novo Testamento, Deus quis que o Filho amado se encarnasse no seio da Virgem, a Escolhida por Deus. Maria colocou-se a serviço da vontade divina”, pregou.

Dom Dulcênio também lembrou das dores enfrentadas por Maria, destacando alguns fatos bíblicos, como a perda do Menino no Templo, fatos que demonstraram todo o zelo, cuidado e preocupação com o seu filho Jesus; “Maria soube ser uma Mãe zelosa e amorosa, uma mulher de fé, que viveu o mistério de Deus em função da Vida de Jesus”, concluiu.

A Festa da Paróquia

A Paróquia seguirá festejando até o próximo dia 15 e a programação e as transmissões podem ser conferidas nas redes sociais da paróquia: No Facebook ou no Instagran.

Por: Ascom
Fotos: Pascom Paroquial

Imagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notícia
Imagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notíciaImagem da notícia

Comentários (0)