Caminhada Penitencial arrasta mar de gente na sua 20ª edição

Atualizado em 25/06/19 às 10:391 minuto de leitura
Mais uma vez um verdadeiro mar de gente se fez presente na Caminhada Penitencial, promovida pela Diocese de Campina Grande. Cerca de 40 mil pessoas fizerem o trajeto da Catedral de Nossa Senhora da Conceição até o Convento Santo Antônio, em Lagoa seca. Foram 11km de várias demonstrações de fé e de muita oração. Para dom Dulcênio Fontes de Matos, Bispo de Campina Grande, a Caminhada é uma grande demonstração de fé e de confiança em Deus. “A Caminhada lembra a nossa própria caminhada desde nosso batismo e ela acontece justamente na Quaresma para que nos seja favorável, ainda mais, à mudança de vida. Lembra que devemos sempre caminhar na direção de Deus”, disse o Bispo. Na multidão encontramos várias histórias: pessoas carregando imagens de santos, pessoas descalças, com bebês em carrinho e tantas outras cenas. Dona Marli estava com os pés descalços para agradecer uma grande graça alcançada. “Deus me atendeu quando nem eu acreditava que merecia, então faz 3 anos que eu venho descalço, e vou fazer assim até quando meus pés aguentarem”, diz a auxiliar de enfermagem. A programação do domingo começou com a Santa Missa às 5h. A Caminhada saiu às 6h10 e a extensão foi tamanha que, às 7h50 o início da Caminhada chegava ao convento enquanto boa parte dela ainda ocupava os primeiros metros da BR 104. Após 3 horas de caminhada, Dom Dulcênio e os padres presentes conduziram um momento de Bênção no campo do Convento. Todas as fotos da 20ª Caminhada Penitêncial estão disponíveis em nossa página no facebook. https://www.facebook.com/media/set/?set=a.1897677446933597.1073742044.383459485022075&type=3

Comentários (0)