No Seminário Diocesano: Seminaristas recebem Ministérios de Acólito e Leitor

Neste domingo (11), nove seminaristas da Diocese de Campina Grande receberam os primeiros ministérios, sendo instituídos leitores e acólitos para o serviço litúrgico. A cerimônia aconteceu na manhã deste domingo na Capela do Seminário Diocesano, São João Maria Vianney, em Campina Grande, e foi presidida pelo Bispo Diocesano de Campina Grande, Dom Dulcênio Fontes de Matos.

A Igreja no mundo inteiro celebra neste domingo a memória litúrgica de São João XXIII, um dos papas com maior notoriedade nas últimas décadas. Na ocasião de sua festividade, Dom Dulcênio, em solene concelebração eucarística, concedeu estes ministérios aos nove seminaristas da etapa da Teologia, que pertencem a Diocese de Campina Grande.

Em sua homilia, o Bispo falou sobre o Banquete da Vida, cujo Senhor convida a todos, partindo da reflexão do Evangelho de São Mateus, para este domingo, em que a cena narrada é a de uma festa de casamento e de um banquete farto; ao final, o evangelista chama a atenção para as coisas de Deus que, por vezes, são ignoradas: “E mandou os seus empregados para chamar os convidados para a festa, mas estes não quiseram ir”(Mt. 22, 3).

Dom Dulcênio ajudou-nos na compreensão desta parábola, explicando o significado das núpcias e do banquete. “As núpcias traduzem-se como lugar de fartura. Isto se expressa no Evangelho através do apelo do rei-pai: “Dizei aos convidados: já preparei o banquete, os bois e os animais cevados já foram abatidos e tudo já está pronto” (Mt. 22,4). O banquete de Deus, iniciado pela mesa eucarística, cuja plenitude é o Céu, não é mesquinho; é onde somos infinitamente saciados, nada nos faltando (cf. Sl 22,1)”, esclareceu.

Ao voltar-se para os seminaristas que estiveram recebendo o Leitorado e o Acolitato, o Bispo exortou aos jovens a perseverarem na vocação, a buscarem preencher o coração com o amor de Deus, estando abertos ao Espírito Santo.

“Caros filhos, vós que sereis instituídos leitores, deveis, na obediência ao encargo que a Igreja, hoje, vos confia, assumirdes a função de arautos deste convite à salvação, como porta-vozes desta mesma Igreja, de maneira que, tão como aqueles servos, incansavelmente, deveis ir às encruzilhadas (principalmente as existenciais) e convidardes para a festa do Senhor todos os que encontrardes. Quanto a vós, filhos caríssimos, que sereis instituídos acólitos, tenhais como inspiração aqueles que, na parábola do Evangelho de hoje, estão a serviço de todos, dos maus e dos bons que estavam na sala lotada, que representam a Igreja. Se sois servos, é porque, antes, sois também convidados à participação das núpcias do Cordeiro, seguindo-O aonde quer que Ele vá, desprezando as vossas próprias vidas (Ap. 14,4). Sede corajosos e fiéis à verdade de Cristo, também por uma vida irrepreensível”, disse emocionado.

Esta celebração eucarística festiva aconteceu na manhã deste domingo, contando com a concelebração dos Padres Leandro Márcio, Reitor do seminário, Padre Evanilson e o Padre Raniery, psicólogos do Seminário.

Os seminaristas que foram instituídos leitores e acólitos têm por missão o serviço da sagrada liturgia, proclamando as leituras, servindo ao altar e na distribuição da sagrada eucaristia. Os ministérios também são chamados ordens simples ou menores, pois antecedem a ordenação diaconal que virá a acontecer daqui um tempo específico, quando os seminaristas concluírem sua formação seminarística.

Os seminaristas que receberam as ordens simples são:

Ministério de Leitor:

Danilo Monteiro (Campina Grande
Douglas Júnior (Areial)
Igor Matos (Campina Grande)
João Igor (Areial)

Ministério de Acólito:

Helton Moura (Campina Grande)
Joselino Mendes (Campina Grande)
Joseque Moysés (Boqueirão)
Mércio Aurélio (Campina Grande)
Tadeu Laurentino (Campina Grande).

Além das ações de graças pelo dia de São João XXIII  e pela instituição dos ministérios, foram lembrados os aniversários de emancipação política de Campina Grande e os três anos de nomeação de Dom Dulcênio como Bispo de Campina Grande, feita em 2017 pelo santo padre, o Papa Francisco. Fizeram-se presentes os seminaristas das Dioceses de Campina Grande, Patos e Petrolina, que residem e estudam no Seminário Diocesano de Campina Grande.

Por: Sem. Syllas Emanuel – Secretaria de Comunicação do Seminário
Edição: Ascom
Fotos: Seminarista Syllas Emanuel e Joaquim Urtiga

Acervo 1

Acervo 2

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.



You have Successfully Subscribed!

Share This