Igrejas da Diocese de CG realizam a iniciativa “24 Horas para o Senhor”

A Igreja Católica no mundo todo viverá, nos dias 4 e 5 de março, a iniciativa “24 Horas para o Senhor”. O momento faz parte das iniciativas propostas pelo Papa Francisco para a vivência do Ano da Misericórdia. Em toda a Diocese, as 10 Igrejas que abriram a Porta Santa da Misericórdia (sendo 4 em Campina Grande) comandam uma programação que envolve oração, leitura da Palavra, atendimento de confissão e adoração. Vários grupos se revezarão na programação, para que ela siga as 24 horas sem interrupção.

foto (227)A motivação para esta iniciativa foi explicada pelo próprio Papa Francisco na sua mensagem para o Tempo da Quaresma. “Na Bula de proclamação do Jubileu, fiz o convite para que ‘a Quaresma deste Ano Jubilar seja vivida mais intensamente como tempo forte para celebrar e experimentar a misericórdia de Deus’. Com o apelo à escuta da Palavra de Deus e à iniciativa ’24 horas para o Senhor’, quis sublinhar a primazia da escuta orante da Palavra, especialmente a palavra profética. Com efeito, a misericórdia de Deus é um anúncio ao mundo; mas cada cristão é chamado a fazer pessoalmente experiência de tal anúncio”, diz o Papa na mensagem.

AvDiTasdxJXN6HYexr87I0dDlEn2Flu0a9EJkjcHnxfCEm Campina Grande 4 Igrejas abriram a Porta Santa: Catedral de Nossa Senhora da Conceição (Centro), Igreja do Sagrado Coração de Jesus (Catolé – a ser aberta no próximo dia 19), Igreja de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (Bodocongó) e Santuário da Divina Misericórdia (Cuités).  Nestas Igrejas, durante as 24h, haverá atendimento de confissão e o ração. Padres e leigos se revezarão no atendimento e condução dos momentos para que a vigília não seja interrompida.

67b16b06-37ae-4687-aae5-6db3b5f583b3 (1)O Bispo de Campina Grande, Dom Manoel Delson, explica que essas ações propostas para o Ano da Misericórdia auxiliam os cristãos na conversão pessoal. “Um momento rico, de oração intensa e espaço propício para a confissão, deve ser aproveitado por todos aqueles que desejam viver, de verdade, o Ano da Misericórdia e a própria Quaresma. Deus nos chama insistentemente à conversão, a ter uma vida de amor e de misericórdia. Precisamos dessa reconciliação com o Pai e nestas 24 Horas para o Senhor as pessoas se sentirão chamadas à esta entrega. Os sacerdotes estarão lá nas Igrejas para atender a todos”, disse.

OUTRAS PORTAS DA MISERICÓRDIA

Santuário de Nossa Senhora dos Milagres (São João do Cariri – Forania Cariri 1)

Igreja de Nossa Senhora do Bom Conselho (Esperança – Forania do Brejo)

Igreja de Nossa Senhora da Guia (Queimadas – Forania Agreste)

Igreja de São Sebastião (Picuí – Forania do Curimataú)

– Igreja de N. Sra. das Dores  (Monteiro – Forania Cariri 2)

– Igreja de Santa Ana (Soledade – Forania Sericar)

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.



You have Successfully Subscribed!

Share This