Especial: Dom Dulcênio celebra 35 anos de vida Sacerdotal

 A ocasião também marcou a ação de graças pela conclusão dos cursos de Filosofia e de Teologia dos Seminaristas, encerrando o Ano Letivo de 2020
no Seminário Diocesano São João Maria Vianney.

O Bispo de Campina Grande, Dom Dulcênio Fontes de Matos, completou 35 anos de vida sacerdotal, nesta segunda (14) e, para celebrar tal momento, presidiu uma Missa no Seminário Diocesano São João Maria Vianney, no bairro do Alto Branco, que marcou o encerramento das atividades letivas do Seminário neste ano de 2020.

Padres e Diáconos Diocesanos, familiares do Bispo, em especial o Padre Everson Fontes, sobrinho de Dom Dulcênio, que veio da Arquidiocese de Aracajú, acompanhado do Padre David participaram deste solene momento.

O Padre Amauri, da Diocese de Patos, além da equipe formativa, professores, funcionários, juntamente com os mais de 60 seminaristas, participaram desta festiva celebração, a qual todos puderam render graças a Deus pelo ministério sacerdotal do Bispo e também pela conclusão dos trabalhos neste ano complexo envolto das dificuldades provocadas pela pandemia.

Homilia

O Padre Everson Fontes foi o encarregado da Homilia e optou por falar sobre a importância do Sacerdócio. Ainda aproveitou o momento para falar sobre o seu tio, Dom Dulcênio Fontes de Matos, agradecendo a Deus pelos 35 de vida doada à causa do Reino:

“Agradecer a Deus pelo ministério sacerdotal, tal como fazemos agora, é reconhecer o amor de Deus pela humanidade, salvando-a em Cristo pelo mistério do sacerdócio, e a manifestação da Sua fidelidade para com a Sua Igreja, não nos deixando faltar pastores segundo o Seu coração. Dom Dulcênio, somos gratos a Deus pelo seu ‘sim’ e por tudo o que, pelo senhor, como canal e instrumento, Ele realiza na vida de tantos. Que o Príncipe dos pastores, pelos méritos do Seu único e sumo sacerdócio, conceda ao coração de tão zeloso ministro as graças necessárias para a sua perseverança na santidade e no pastoreio, e, percorrendo muitos anos com saúde e paz, alcance, conosco, seus filhos, os prados eternos, onde seremos coroados por Cristo, com Cristo e em Cristo”, disse.

Agradecimentos: 

Padre Leandro Márcio, Reitor do Seminário, traduziu em palavras sua gratidão por este ano, pelos esforços de cada um, a começar pelo Bispo, grande incentivador das vocações.
“A todos nosso muito obrigado. Nesse tempo de pandemia, nós atravessamos essa noite de escuridão com a luz da fé, com o incentivo de cada um e com as orações. Agradeço a nossa equipe de formação: nosso Bispo pelo incentivo e coragem de terminarmos esse ano difícil, mas também cheio de glórias; agradeço a vocês, seminaristas, pois fizeram o possível para que a casa chegasse a este dia com alegria. É um ano de graça, de provação e de maturidade. Agradeço a todos os leigos e leigas que rezam e são benfeitores dessa casa”, agradeceu o Reitor.

Dom Dulcênio, emocionado, também teceu seus agradecimentos pelos 35 anos de vida sacerdotal, além de parabenizar os Seminaristas que estão concluindo os cursos de filosofia e de teologia e, por fim, lembrou que este ano foi um ano de superação e de maturidade:

“Tenho consciência do dom que trago comigo. Trata-se de um verdadeiro dom que, de longe, supera meus méritos pessoais. Tenho consciência de que porto um verdadeiro tesouro, ainda que eu seja um vasilhame de barro. O sacerdócio ministerial é bênção para a Igreja e para o mundo. O Padre é o homem do cuidado de Deus. Peço a Deus pela porção do rebanho de Cristo que me foi confiada. Peço, ainda, a Deus, perdão. Às vezes não fazemos o que deveríamos fazer… somos omissos. Peço perdão a Deus na confiança da sua misericórdia. É o amor de Deus que nos impulsiona e nos faz crescer.  Concluo agradecendo de coração a todos os que participam desta celebração ou que enviaram seus cumprimentos. E louvo a Deus pelos passos de unidade que aos poucos vamos dando em nossa caminhada”, agradeceu.

Seminário e Ano Letivo

Em meio as dificuldades impostas pela pandemia, a equipe formativa do Seminário arregaçou as mangas e fez todo o possível para que o ano letivo de 2020 não fosse perdido; após 4 meses em casa, os Seminaristas retornaram e passaram a assistir as aulas online, estando na casa de oração.  Neste ano, 12 Seminaristas concluíram o curso de filosofia e 4 o de teologia. Atualmente, o Seminário Diocesano conta com 10 seminaristas da Diocese de Patos, 6 da Diocese de Petrolina e 43 da Diocese de Campina Grande.

Por: Ascom | Correção: Pedro Freitas
Fotos: Sem. Syllas Emanuel

 

 

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.



You have Successfully Subscribed!

Share This