Pastoral Familiar: Assessores reúnem-se para Encontro Formativo

Acontece de 3 a 5 deste mês no Convento Ipuarana, em Lagoa Seca, um encontro de formação para Assessores da Pastoral Familiar do Regional Nordeste II, o evento objetiva trabalhar temáticas que envolvem as discussões em torno da família contemporânea. Participam deste encontro formativo, padres de 7 dioceses do regional, que estão sendo assessorados pelo Padre Elias da diocese de Patos.

Levando em consideração a preocupação que a Igreja tem perante as famílias, e atenta aos novos paradigmas, o Regional II ao promover este encontro, visa discutir a importância de orientar os agentes de Pastoral Familiar, a fim de serem instrumentos na evangelização das famílias. Temas como a Bioética Católica, a Bioética Laica, os Desígnios de Deus para a Família e questões de ação pastoral estão sendo discutidas.

Dom Dulcênio Fontes de Matos, Bispo referencial para a Pastoral Familiar no Regional NE2 destaca que esses dias de formação são ricos, devidos aos temas trabalhados.

É uma preocupação Nossa para que todos os assessores do nosso regional, possam estar sempre atualizados, no que diz respeito à vida em família; Esses dias estão sendo ricos, com a assessoria do padre Elias, ele que é formado em Teologia Moral; estamos recebendo tudo para levarmos às nossas dioceses, estamos trabalhando a bioética católica, assim como, traços da bioética laica. Estamos vendo os desígnios de Deus e alguns juízos morais da nossa ação prática pastoral – Frisou o bispo de Campina Grande.

Falar de família para Dom Dulcênio é falar do amor que a Igreja tem por essa instituição divina,  estando à frente da Pastoral Familiar no Regional, o bispo acredita piamente no poder transformador que a família é capaz de realizar na sociedade e por isso motiva-os agentes de Pastoral a seguirem firmes na missão.

 Não desanimem, tudo parte da Família, temos um olhar especial para a família, eu costumo dizer que tudo sai da família, o padre, o médico, o bom operário, o bom agricultor, mas também, saem criaturas que deixam a desejar, por isso devemos trabalhar e preparar a família a fim de serem presença de Deus. – Enfatizou.

Aqui na diocese de Campina Grande, o responsável por acompanhar essa pastoral é o Padre José Ediberto, ele que é o assessor eclesiástico da pastoral Familiar, e acerca do Encontro Formativo destaca que a igreja está ligada focada nas famílias, uma que vez muitos temas emergem e exigem dos nossos pastores uma posição, acima de tudo, a igreja se preocupa com a vida.

–  Estamos interligados com aquilo que preocupa as nossas famílias em âmbito nacional, questão da bioética, questão da vida, e na diocese e no regional vamos orientando os nossos agentes de Pastoral de Familiar. Nos deparamos com situações, e a partir desse encontro, vamos orientando melhor, para assim vivermos preocupado com a vida desde o seu inicio até o seu final. Sejamos apaixonados pela família, esse trabalho muito bonito, que em todos os cantos da nossa diocese, estejamos empenhados e renovemos a cada dia nosso amor às famílias. – Comentou o Assessor Eclesiástico, o Padre Ediberto.

Padre Elias Ramalho, da Diocese de Patos, é o encarregado de formar os padres neste encontro, ele está abordando temas relevantes, de valor moral e vital para nossas famílias. Assim destaca:

Refletimos sobre as questões da vida, os valores da vida, desde a sua fecundação até o seu fim natural. A Igreja defende que a vida nasce a partir da fecundação, ali nasce o evento da vida, mas existe o pensamento laico que não comunga com a igreja e por isso, a igreja busca dialogar com a ciência, e claro se posicionar. Estamos discutindo a família no plano de Deus, a família na doutrina da igreja e a nossa preocupação pastoral. Precisamos acolher as pessoas e dizer a essas pessoas qual é o desígnio de Deus. É verdade na caridade! Nem tudo é família, tem muitos arranjos por aí. Tudo se constitui no matrimônio, que é vontade de Deus. –

O encontro segue até o dia 5, e acolhe padres que acompanham a Pastoral Familiar das respectivas dioceses; Mossoró, Caicó, Guarabira, Campina Grande, Patos, Cajazeiras, Nazaré da Mata, e Penedo.

 

 

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.



You have Successfully Subscribed!

Share This